24 de Fevereiro de 2024

Convescote pago com dinheiro público reúne prefeitos em Bonito

Quarta-feira, 06 de Dezembro de 2023 - 11:40 | Redação

imagem
Convescote pago com dinheiro público reúne prefeitos em Bonito

Apesar da constante choradeira em função da perda de receitas, prefeitos de Mato Grosso do Sul não pouparam dinheiro para participar no paradisíaco município de Bonito, nos dias 4, 5 e 6 de dezembro, do 2º Encontro de Prefeitos e Primeiras-Damas promovido pela Assomasul.

O evento teve como palco as luxuosas instalações do Hotel Zagaia Eco Resort, cuja diária para casal na Suíte Family custa hoje R$ 1.391,49 e R$ 1.697,68 na suíte Master Plus, de acordo com informações no site da empresa.

O encontro foi organizado pelo presidente da Assomasul e prefeito de Nioaque, Valdir Couto Júnior (PSDB), que está em seu segundo mandato.

Remake

Essa foi a segunda edição do convescote, cuja realização beneficiou pouquíssimos privilegiados, apesar de ter consumido dinheiro de ampla parcela dos pagadores de impostos sul-matogrossenses, já que quem banca a Assomasul são as prefeituras.

Alguns prefeitos ouvidos pelo Vox MS que preferiram o anonimato, não apenas não compareceram ao evento como criticaram a gastança de dinheiro público.

O convescote ocorreu nos mesmos moldes do primeiro encontro no ano passado, que serviu para alavancar a vitoriosa campanha  à reeleição de Valdir Júnior.

A forma como ele administra a entidade inclusive gerou um fato inédito nos 42 anos de História da Assomasul, que foi a desfiliação do prefeito Eraldo Jorge Leite (PSDB), de Jateí. Ele era tesoureiro na primeira gestão de Valdir Couto.

Convescote pago com dinheiro público reúne prefeitos em Bonito

Falta dinheiro?

O evento é pago pelas prefeituras, por meio da Assomasul, ao mesmo tempo em que a ampla maioria dos gestores públicos do Estado reclama da queda vertiginosa dos repasses do (Fundo de Participação dos Municípios (FPM), uma das principais fontes de receita das prefeituras.

Entre 27 e 32 dos 79 prefeitos de Mato Grosso do Sul participaram do convescote, o que provocou prejuízo menor do que o esperado aos bolsos dos contribuintes.

Segundo informações extraoficiais obtidas pelo Vox MS, na agenda de lazer do evento constava jantar e show com duplas as sertanejas Maria Cecília e Rodolfo e João Haroldo e Betinho.

Tema preocupante

Um dos convidados presentes foi o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, que discorreu justamente sobre o assunto que mais preocupa os prefeitos brasileiros, que é brusca a redução dos valores do FPM.

Outras personalidades nacionais discorreram sobre temas como ‘onde está o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul’; ‘Governança  Pública na Agenda ESG’; ‘Persuasão Sem Esforço – entenda como ser Assertivo’; e ‘Posicionamento Digital para Prefeitos’.

Convescote pago com dinheiro público reúne prefeitos em Bonito

Questionamentos

O Vox MS questionou a Assomasul, via assessoria de imprensa a respeito do motivo da realização do evento em Bonito, e não em Campo Grande, e dos custos com o evento, sobre quem bancou o transporte, estadia e alimentação.

Também foi questionado se de fato houve show musical com as duplas sertanejas Maria Cecília e Rodolfo e João Haroldo e Betinho, assim como os custos com os palestrantes e o número de prefeitos e primeiras-damas participantes.

Até a publicação desta matéria, a Assomasul não se manifestou. O espaço segue aberto para o caso de a direção da instituição mudar de ideia.

Por Edir Viégas

SIGA-NOS NO Jornal VoxMS no Google News

VoxMS - Notícia de Verdade