24 de Julho de 2024

IPR também mostra o crescimento de Reinaldo

Segunda-feira, 27 de Agosto de 2018 - 04:25 | Redação

imagem
IPR também mostra o crescimento de Reinaldo

Levantamento divulgado no sábado, 25, pelo Instituto de Pesquisas Resultado (IPR), mostra que o candidato a governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que concorre à reeleição, foi o único que obteve crescimento significativo na preferência dos eleitores. Tecnicamente empatado com o juiz aposentado Odilon e Oliveira (PDT) nesta pesquisa, ele subiu 5,47 pontos percentuais no espaço de apenas 14 dias. A diferença, de 7.43%, caiu para 1.42%, segundo a nova coleta de dados.

Os números mostram que se a eleição fosse hoje o quadro estaria indefinido, já que na intenção de votos dos eleitores os candidatos que lideram a preferência estão tecnicamente empatados. O juiz Odilon de Oliveira aparece com 26,75%, seguido por Reinaldo Azambuja com 25,33%, diferença de apenas 1,42%. Junior Mochi (MDB) aparece com 7,33%, Amaducci (PT) com 2,58%, João Alfredo (PSOL) com 1,33% e Marcelo Bluma (PV) com 1%. Brancos e nulos somam 15,5% e indecisos 20,17%.

No dia 12 de agosto, no primeiro levantamento do Instituto Resultado em Campo Grande, Odilon de Oliveira liderava com 27,29%, seguido por Reinaldo Azambuja, que tinha 19,86%, uma diferença, portanto, de 7,43%. A então pré-candidata Simone Tebet (MDB) tinha 12,29% e Amaducci (PT) 1,86%. Marcelo Bluma (PV) pontuou com 1,71% e João Alfredo (PSOL) com 0,43%. Brancos e nulos somavam 15,71% e indecisos 20,86%.

IPR também mostra o crescimento de Reinaldo

Na pesquisa realizada de 7 a 10 de agosto de 2018 o IPR ouviu 700 eleitores em Campo Grande. A margem de erro é de 3,7% para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%. O levantamento foi registrado no RE/MS sob o número MS-02928/2018.

Já o novo levantamento foi feito entre 19 e 24 de agosto de 2018. O IPR ouviu 1.200 eleitores em 20 municípios. A margem de erro é de 2,9% para mais ou menos, com nível de confiança de 95%. Na Justiça Eleitoral, a pesquisa foi registrada com o número MS-04794/2018.

SIGA-NOS NO Jornal VoxMS no Google News

VoxMS - Notícia de Verdade