14 de Abril de 2024

Obras do Hospital Regional de Três Lagoas seguem em ritmo acelerado

Quarta-feira, 13 de Setembro de 2017 - 06:56 | Redação

imagem
Obras do Hospital Regional de Três Lagoas seguem em ritmo acelerado

O Hospital Regional de de Três Lagos já começa a tomar forma. Máquinas da construção civil estão na área de mais de 26 mil m² do Distrito Industrial, na BR-158, e as primeiras etapas para a edificação do prédio de três pavimentos e 138 leitos já foram cumpridas.

Em sua página no Facebook o governador Reinaldo Azambuja comemorou o avançado das obras e postou fotos da obra. "A regionalização da saúde é o nosso compromisso, pois gera mais conforto e eficiência no atendimento a quem mais precisa", publicou.

A obra custará R$ 56,4 milhões ao Governo do Estado. Esses recursos são próprios e outra parte é empréstimo do BNDES, que o Governo terá que pagar.

O Hospital Regional de Três Lagoas será referência em saúde para a Costa Leste de Mato Grosso do Sul. Ele funcionará com estrutura de atendimento para moradores de pelo menos 10 cidades: Água Clara, Aparecida do Taboado, Bataguassu, Brasilândia, Cassilândia, Inocência, Paranaíba, Santa Rita do Pardo e Selvíria, além de Três Lagoas.

Obras do Hospital Regional de Três Lagoas seguem em ritmo acelerado

Serão 138 leitos, divididos entre pré-parto, parto e pós-parto; indução e recuperação de pacientes; observação pediátrica; observação de paciente; observação psiquiátrica; UTI cirúrgica; UTI clínica; enfermarias; internação de isolamento; semicrítico; preparo e recuperação pós-anestésica; e observação e recuperação do paciente.

“Hospital moderno, equipado e com estrutura completa para atender toda a região de Três Lagoas; hospital que vai fixar o atendimento de média e alta complexidade aqui no Bolsão, representando a regionalização de saúde”, explicou Reinaldo. “Quando a gente governa com responsabilidade, organização, planejamento e respeito ao dinheiro público se consegue fazer entregas que melhoram a qualidade de vida da população”, afirmou ele.

Vencedora da licitação para construção do hospital, a empresa Sial Engenharia irá instalar o prédio em uma área doada pelo empresário Magid Thomé Filho à prefeitura de Três Lagoas. A unidade será referência em ensino para alunos do curso de Medicina da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) de Três Lagoas.

SIGA-NOS NO Jornal VoxMS no Google News

VoxMS - Notícia de Verdade